A BIOSSPLENA pertence a um conjunto de redes de difusão de conhecimento e associações empresariais, que de forma colaborativa, compartilham suas pesquisas e experiências. Estas conexões permitem explorar cenários e acompanhar novas tendências, para a atualização constante e aprimoramento dos produtos e serviços oferecidos.

CIRES – Cidades Inclusivas, Resilientes, Eficientes e Sustentáveis (2018)

A Rede CIRES estuda cases de sucesso relacionados à sustentabilidade das cidades, cedidos por prefeituras, universidades ou empresas, com o objetivo de replicar o processo em outros locais. As atividades da rede concentram-se, principalmente, no compartilhamento destes experimentos positivos e na capacitação de gestores e profissionais da área, visando a aplicação prática de estratégias e planejamentos de sustentabilidade, a curto, médio e longo prazo.

Esta rede Ibero-americana é financiada pelo CYTED – programa Ibero-Americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento. A formação da rede tem vigência de quatro anos, (2018-2021), e é formada por nove universidades de sete países, nove municípios beneficiários, uma ONG e duas empresas da área de Urbanismo e Engenharia, incluindo a Biossplena.

Saiba mais: http://civil.uminho.pt/cires/

G-30 / Núcleo de Estudos do Desenvolvimento Empresarial e Econômico / Serra Gaúcha (2017)

Grupo líder em estratégias, ações e investimentos para impulsionar e planejar o turismo na região da Serra Gaúcha (RS). É afiliada da rede G100 Américas no Brasil, fundado com o propósito de oferecer aos principais líderes do país um ambiente para autodesenvolvimento e oxigenação das relações pessoais e corporativas, por meio de encontros para discussão de temas que geram preocupação aos seus membros. Na Serra Gaúcha, o grupo possui 30 cadeiras compostas por empresas representantes das principais áreas da indústria do desenvolvimento turístico. A diretora executiva da Biossplena, Giovana Ulian, é membro Titular cadeira 11.

ADIT / Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil

Fundada em 2006, a ADIT Brasil – Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil – é uma entidade sem fins lucrativos que tem como objetivo o desenvolvimento dos mercados imobiliário, turístico e urbanístico, dentro das melhores práticas nacionais e internacionais. Com grande atuação na educação, conscientização e capacitação do mercado, a ADIT também é reconhecida pelo forte network e geração de negócios que propicia aos seus associados, presentes hoje em 18 estados brasileiros.

A ADIT Brasil realiza anualmente quatro seminários que são líderes em seus segmentos. Ainda, promove cursos, reuniões de melhores práticas, publicações de livros e revistas, missões técnicas nacionais e internacionais. Em maio de 2018, a Biossplena, representada pela Diretora executiva Giovana Ulian, participou da missão Técnica ADIT, visitando um conjunto de empreendimentos em Alabama, Georgia e South Carolina nos Estados Unidos, além da participação no CNU26 – Congress for the New Urbanism em Savannah.

Saiba mais: www.adit.com.br/quem-somos/

Saiba mais: www.cnu.org/cnu26

IDEMER / Instituto de Desenvolvimento Municipal e Regional

Fundado em 2011, o IDEMER – Instituto de Desenvolvimento Municipal e Regional é uma entidade privada sem fins lucrativos que tem como missão apoiar o setor público para promover o desenvolvimento municipal e regional equilibrado. Suas áreas de atuação abrangem as diversas escalas do território, realizando consultorias sobre planejamento urbano, infraestrutura, meio ambiente, turismo, coesão social e qualidade de vida. É responsável pela organização do evento anual de difusão de conhecimento nomeado “Cidades em Transformação – Diálogos entre atores da cidade para a inovação”.

Atualmente, possui certificação OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, que é uma qualificação jurídica atribuída pelo Ministério da Justiça a entidades privadas que atuam em áreas do setor público com interesse social. É formado por uma equipe multidisciplinar, englobando as áreas de Ciências Sociais, Engenharia e Comunicação. Conta com experiência a atuação a nível nacional e internacional, no setor público e privado, dentro da qual os profissionais da Biossplena fazem parte.

Link: http://www.idemer.com.br/

Viva Cidade

O projeto surgiu da vontade do grupo em transformar territórios, considerando as características, a história e os potenciais dessas áreas, para criar centralidades urbanas.

A ideia foi plantada dentro do MOBI Caxias (o Movimento Mobilização por Caxias, da sociedade civil organizada, que busca pensar a cidade para 2040) no início de 2019, dentro da câmara técnica de urbanismo, quando se estudavam potencialidades no território de Caxias do Sul. Naquele momento, foram identificadas nove possíveis centralidades na cidade.

Link: http://www.projetosaopelegrino.com.br/

Mobicaxias

Nossa cidade, nosso futuro.

SomosRS

Parceiros

Andrew Georgiadis

Andrew Georgiadis é um urbanista e designer dedicado à criação de comunidades mistas e caminháveis . Trabalhou por mais de uma década na Dover, Kohl & Partners e colaborou com a DPZ CoDesign em Charrettes e Planos Diretores.

Na Dover, Kohl & Partners, contribuiu para o sistema de classificação LEED ND, escreveu partes do Plano Integral da cidade de El Paso e dirigiu a coautoria do Código Baseado em Formulários de Bradenton.

Tem experiência nos Estados Unidos e em vários países, tendo liderado charretes e criado códigos morfológicos em países como Rússia, República da Geórgia, Arábia Saudita, Montenegro, Guatemala, El Salvador, Trinidad e Tobago e muitos outros.

Como membro do Congresso para o Novo Urbanismo – CNU, ele é um palestrante regular e instrutor de curso sobre Redação de Códigos Urbanos, Charretes e Design urbano.

https://www.georgiadisurbandesign.com/

Daniel Orellana

Daniel Orellana é professor principal da Universidade de Cuenca e co-fundador do LlactaLAB – Sustainable Cities Research Group. O foco da pesquisa de Daniel é em Análise Espacial e Geoinformática (SIG), Geografia Urbana, Mobilidade Sustentável e interações entre humanos e meio ambiente.

Ele é especialista em uma ampla gama de métodos e técnicas para análise espacial, análise urbana e geoinformação. Atualmente, ele conduz um projeto de pesquisa sobre a análise do comportamento espacial de ciclistas e pedestres.

https://www.researchgate.net/profile/Daniel_Orellana2